Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

'Alto Cutelo', de Renato Cardoso

Brito-Semedo, 29 Set 11

 

Serra Malagueta.jpeg

Serra Malagueta, Santiago

 

ALTO CUTELO

 

Na alto cutelo cinbrom dja ca ten (dja seca)
Raiz sticado djobe água, q' atcha (dja seca)
Água sta fundo e ni omi ca tral (dja seca)

Mudjer um sumana sê lumi ca cende (na casa)
Sê fidjo, na strada so um ta trabadja (pa dozi mirés)
Marido dja dura q' i bai pa Lisboa (contratado)
Pa bai pa Lisboa e bende sê tera (metadi di preço)

Ali, el ta trabadja na tchuba na bento (na frio)
Na Cuf, na Lisnave e na Jota Pimenta
Mon d'obra barato, pa mas q'i trabadja (serventi)
Mon d'obra barato, baraca sem luz (cumida a pressa)
Inda mas nganadu q' i s' irmon branco (splorado)

 

Mas um dia, que n' volta pa terra
Monte Gordo e Malagueta
Nhos tem q' i da-m água
Cu força na braço, consiencia di mi,
E mi q' i trabadja, tera e poder e pa mi
Cu sinbrom na cutelo (nos tera)
Midju na tchon (nos tera)
E barco na porto (nos tera)

 

Renato Cardoso

 

RC.png

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

5 comentários

De Sofia a 16.10.2011 às 20:33

maravilhoso

De Joaquim ALMEIDA (Morgadinho) a 17.10.2011 às 11:47

Alto Cutelo de Renato Cardoso ,interpretado por nosso ,malogrado Ildo Lobo ;esta obra prima ,100 % cultural ,cuja mensagem transmetida nesta linda melodia ,esrà sempre da atualidade ,serà sempre relembrado,porque se trata de uma mesagem bem forte ,de uma realidade porque se passou ,no nosso pais e que nao devemos esquecer .Renato Cardoso ,através das suas composiçoes ,deixou para as nossas geraçoes vindouras,(uma herânça) ,-permitem-me esta expressao ,-sob forma de ,uma verdadeira realidade ,A POBREZA DA NOSSA TERRA CABO VERDE !.Um Criol na Frânça ; Morgadinho !..

De Emanuel Oliveira a 02.03.2015 às 09:03

A música esta incompleta, ou melhor na letra falta completar antes do Nhos tem q' i da-m água ..... Mas  um dia que n' volta pa terra Monte Gordo e Malagueta.


Obrigado

De Brito-Semedo a 02.03.2015 às 09:29

Leitor Amigo, obrigado por se ter encostado no Esquina do Tempo e pela chamada de atenção. O texto, na verdade, estava truncado, pelo que já o corrigi. Boa semana e continuação de uma boa leitura.

De Emanuel Oliveira a 02.03.2015 às 15:56

Sempre as Ordens. Tb como cabo-verdiano que sou gosto muito da nossa musica e aonde puder dar meu contributo faço-o de muito agrado. Uma boa Semana pra si também e obrigado.

Comentar post

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

Powered by