Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Os Cabouqueiros do Ensino Superior

Brito-Semedo, 26 Nov 11

 

Esquecer!!! / Ninguém esquece /

suspende fragmentos / na câmara escura /

que se revelam à luz da lembrança...

 

Poeta desconhecido, in Na Esquina do Tempo – Crónicas de Diazá, Praia, 2009

 

A Universidade de Cabo Verde comemora este ano o seu 5.º aniversário (2006-2011), tendo havido, no dia 21, a celebração do Dia da Universidade e a Sessão Solene de Abertura do Ano Académico de 2011/2012. Durante toda esta semana foram desenvolvidas várias actividades lúdicas, culturais e de divulgação científica em todas as suas Unidades Orgânicas, na Praia e no Mindelo.

 

Na verdade, o processo de criação do Ensino Superior até culminar na instalação da Universidade de Cabo Verde, começou, em 1979, com o núcleo de Curso de Formação de Professores do Ensino Secundário (CFPES), que funcionou numa ala do Liceu Domingos Ramos, tendo sido seus directores a Dra. Maria Luísa Ferro Ribeiro e o Doutor Alberto da Mota Gomes. Posteriormente, o CFPES foi transformado em Escola de Formação de Professores do Ensino Secundário (EFPES), instalado no Parque 5 de Julho e na Escola Grande e foram seus directores Doutora Maria Adriana Sousa Carvalho, Dra. Elisabeth Monteiro Reis e Doutor Jorge de Sousa Brito. Finalmente, essa Escola foi elevada a Instituto Superior de Educação (ISE), em 1996, a funcionar, primeiro, na Escola Grande e, depois, nas actuais instalações do Palmarejo, sob a orientação do Doutor Jorge de Sousa Brito, seguido da Dra. Maria das Dores Morais, da Dra. Fátima Varela, da Dra. Maria Cândida Gonçalves, do Doutor Paulino Lima Fortes e do Doutor António Lobo de Pina.

 

Finalmente, em 2006, o ISE foi agrupado à Universidade Pública de Cabo Verde, a Uni-CV, tendo dado origem a duas unidades orgânicas, o Departamento das Ciências Sociais e Humanas (DCSH) e o Departamento das Ciências e Tecnologia (DCT). O primeiro, dirigido, sucessivamente, pelos Doutores Cláudio Alves Furtado, Marcelo Galvão Baptista e Leopoldo Teixeira Amado e, o segundo, pelos Doutores António Évora Querido, Judite Medina Nascimento e João Gomes Cardoso.

 

Chegamos hoje ao fim desta semana de festividades com um dia reservado às memórias da Universidade, integradas através de uma exposição sobre a “História da Educação em Cabo Verde”, da apresentação do “Núcleo de Memórias da Educação em Cabo Verde” e deste “Acto Público de Homenagem e de Reconhecimento”.

 

Os actuais Conselhos Directivos dos Departamentos de Ciências Sociais e Humanas e de Ciências e Tecnologia do Campus do Palmarejo, "herdeiros" que são desse passado próximo de criação do Ensino Superior em Cabo Verde e cientes do papel desempenhado pelos seus responsáveis, docentes e funcionários de então, desejam prestar-lhes hoje uma singela, mas reconhecida homenagem.

 

Professor Brito-Semedo, Presidente do CD do Departamento CSH, Dr. Arnaldo França, Professor Jubilado, Professora Tetyana Gonçalves, Presidente do Departamento C&T. Foto Quim Macedo, "Jornal Expresso das Ilhas"

 

Permitam-me destacar, de forma muito particular, os reais cabouqueiros e semeadores do Ensino Superior em Cabo Verde, o então Ministro da Educação e Cultura, Dr. Carlos Reis, a Primeira Directora do CFPES, Dra. Maria Luísa Ferro Ribeiro, e os professores e funcionários do primeiro ano lectivo de 1979/1980.

 

É assim que temos a honra de vos entregar um Diploma de Mérito, que expressa o nosso reconhecimento pela contribuição prestada a esta casa e que levou a que chegássemos a este 5.º aniversário da Universidade Pública. Este diploma foi elaborado pelo Prof. Salif Diallo Silva e pelos estudantes do 2.º e do 3.º anos do curso de Licenciatura em Comunicação e Multimédia, que, aliás, são também os autores do banner comemorativo afixado à entrada do edifício.

 

Convido a minha Colega, a Professora Doutora Tetyana Gonçalves, a ocupar o lugar ao meu lado para fazermos a entrega dos Diplomas.

 

Felicidades a todos e muito obrigado! (Notícia saída na TCV).

 

 

- M. Brito-Semedo, Praia, 25 de Novembro de 2011

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

1 comentário

De Adriano Miranda Lima a 28.11.2011 às 17:56


Apreciei imenso ler esta notícia, de que tomo conhecimento  através deste texto do Brito Semedo e do visionamento da reportagem televisiva. Realce para esta síntese histórica da Uni-CV e para a justa homenagem prestada aos seus "cabouqueiros. As minhas felicitações ao Brito Semedo.

Comentar post

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

Powered by