Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Deus Marca os Homens Com o Seu Selo

Brito-Semedo, 18 Fev 12

 

Selos, postais, cartas de outrora que fascinam, acalentam o coração e afagam a alma.

 

 

Se dúvidas existissem sobre a importância do “selo”, as mesmas seriam totalmente dissipadas com esta passagem bíblica. Com o Seu selo estamos sob a Sua protecção.

 

E as cartas, os envelopes, os postais? Sim, pertencem ao selo e estão sob a sua protecção. O selo permite que a carta “voe” para outras paragens.

 

Numa sociedade em que estamos “fechados” por imensas chaves e em que procuramos incessantemente as chaves que conseguirão abrir as portas da felicidade, do sucesso, o selo é uma importante chave que permite que as palavras cheguem ao seu destinatário. Os selos são a chave de ignição do envelope, do postal e, como tal, frequentemente, contribuem para a abertura da porta da felicidade.

 

O selo, companheiro de sentimentos, objecto de grande relevância nas antigas civilizações orientais.

 

Um símbolo de autoridade e poder quando o rei imprimia o seu selo nos documentos que expressavam as suas decisões.

 

Um símbolo de segredo, o “selar”, lacrar, encerramento em si o que tem que ser reservado.

 

Autênticas obras de arte que embelezam um envelope que, por si só, se apresenta frio. Como autênticas obras de arte deixam a sua marca no tempo e dão prazer a quem as estima mesmo após a sua missão inicial de levar a mensagem ao seu destinatário e que deles decidem fazer obras de colecção.

 

Hoje, os envelopes perdem a sua graciosidade, apresentando uma estampilha já impressa no seu “rosto”.

 

 

Selos, postais, cartas de outrora que me fascinam, acalentam o coração e afagam a alma...

 

- Sónia Jardim, Portugal

____________

Legenda dos selos:

 

Selo 1 – Ano 1965

Expedido em 1965, do Mindelo com destino a Lisboa

Motivo de escolha do selo: 1.º centenário da União Internacional das Telecomunicçaões

 

Selo 2 – Ano 1973

Expedido em 1973, do Porto Novo com destino a Lisboa

Motivo de escolha do selo: por ser um selo do ano em que nasci

 

Selo 3 – Ano 1948

Expedido em 1948, do Mindelo com destino a Lisboa

Motivo de escolha do selo: por ser um selo com 64 anos

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De Joao Carlos a 20.02.2012 às 21:08

ha dias eu entrei num site com varios selos de cabo verde . O site e : www.selosdecaboverde.weebly.com (http://www.selosdecaboverde.weebly.com) e adorei

De Brito-Semedo a 20.02.2012 às 21:45

Amigo, obrigado pela partilha! Dado o seu interesse, o blogue já foi colocado na lista do "Na Esquina". Braça!

Comentar post

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

Powered by