Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Foto Kim-Zé Brito
 

As minhas mais vivas saudações pela vossa honrosa presença neste Acto Central das Comemorações do Dia da Universidade de Cabo Verde, assinalando o seu VI Aniversário.

 

Conforme a estratégia definida para estas comemorações, em que se programou a realização do Acto Central em dois momentos e em dois espaços – um, na Cidade da Praia, no dia 21, e, o outro, na Cidade do Mindelo, no dia 22 – tenho a honra de fazer a abertura das celebrações em S. Vicente.

 

A nova estratégia definida pela Uni-CV para este ano lectivo de 2012/13, no sentido de uma melhor coordenação e maior proximidade da Reitoria às unidades orgânicas, levou a que fosse activada a Reitoria em S. Vicente. Tal activação passou pela nomeação de um Vice-Reitor, dotado este das competências necessárias para o efeito, para além da natural coadjuvação do Reitor no exercício das suas funções. Acresce, como atribuição deste Vice-Reitor, a Extensão Académica para toda a Universidade, pelo que S. Vicente fica melhor atendido nesse particular.

 

Foto Kim-Zé Brito

 

Está a trabalhar-se com vista a uma melhor implantação da Uni-CV nesta região Norte e à promoção da vocação desta no âmbito das suas actividades económicas específicas, particularmente no que toca as Engenharias e as Ciências do Mar, apostando, sobretudo, na pós-graduação. É assim que, hoje, vão ser assinados protocolos de parceria com o Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas, o Instituto Marítimo e Portuário e a Guarda Costeira, procurando criar sinergias no âmbito do mar.

 

Fazer a abertura do Ano Académico sob o signo de Cabral e da Instalação da sua Cátedra é uma demonstração de que a Uni-CV está sintonizada com a História recente do país, sendo, simultaneamente, um reconhecimento à herança cultural desta ilha no papel desempenhado pelo seu liceu, onde Amílcar Cabral fez os estudos, entre 1936 e 1943, e um facto que honra toda a academia.

 

A Uni-CV em S. Vicente abarca, neste ano lectivo, uma população estudantil de 1.000 alunos, do total dos 3.380 inscritos em toda a universidade. Para ela, estão em preparação grandes novidades, sobretudo na área da Extensão Académica, nomeadamente, ao nível da promoção do desporto universitário e da saúde, bem como o lançamento da Universidade de Verão, actividades estas que serão oportunamente partilhadas com todos.

 

A terminar, uma saudação mindelense muito calorosa ao Doutor Julião Sousa Soares, ilustre orador convidado para ministrar a Aula Inaugural sobre Amílcar Cabral.

 

Foto Kim-Zé Brito

 

Manuel Brito-Semedo

Mindelo, 22 de Novembro de 2012

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De Valdemar Pereira a 23.11.2012 às 09:39

Não compreendo porque não se faz uma palestra sobre Amilcar no edificio onde se encontra a Uni-CV e onde Cabral fez os seus estudos. Confesso que fico sem fala.

De Brito-Semedo a 23.11.2012 às 13:00

Caro Amigo, O Acto de Abertura Oficial do Ano Lectivo para toda a Uni-CV em SV, sob o signo de Cabral, com uma aula inaugural sobre o tema, teria que ser num espaço amplo e com todas as condições que pudesse caber professores, alunos e convidados. O Liceu foi objecto de uma visita hoje de manhã. A aposta dos próximos tempos da Uni-CV é a de recuperar o velho Liceu Gil Eanes e instalar dignamente nele os seus serviços, nomeadamente a Reitoria. Espera-se para breve a saída do Ministério da Educação (Delegação e FICASE) da parte dianteira do edifício para se poder avançar nesse sentido. Um abraço.

Comentar post

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

Powered by