Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Moeda Comemorativa da Independênica

Brito-Semedo, 29 Set 10

Integrado no Programa Comemorativo dos 35 anos da criação do Banco Central Cabo-verdiano, foi lançada hoje, na Praia, a Moeda Comemorativa alusiva aos 35 anos da Independência Nacional de Cabo Verde.

 

 

Sob o signo da democracia e de um marcado progresso económico, Cabo Verde comemora o 35.º Aniversário da Independência Nacional e os 550 anos de descoberta das ilhas da morabeza. Muitas foram as vicissitudes que tiveram de ser ultrapassadas por esta Nação Vencedora até se atingir o presente estádio de desenvolvimento que muito orgulha o seu povo.

 

O Banco de Cabo Verde associa-se, assim, à efeméride com uma emissão limitada de uma moeda comemorativa de valor facial de 250 escudos, em prata proof, subordinada aos temas “35.º Aniversário da Independência Nacional” e “550 anos da descoberta”.

 

- Banco de Cabo Verde, Praia, 29 de Setembro de 2010

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De Ernestina Santos a 04.10.2010 às 21:26

Uma bela moeda, com um design sóbrio e elegante. As duas faces ilustram bem as duas efemérides.

O Banco de Cabo Verde teve uma feliz ideia, pois a História das ilhas deve ser sempre celebrada.

Mas quem foi o autor da concepção da moeda? (Sei, sou muito curiosa...)

De Brito-Semedo a 05.10.2010 às 09:09

Ernestina, Também concordo contigo no que respeita à beleza e à simbologia da moeda comemorativa. O logótipo adoptado para as comemorações, todo ele muito expressivo, foi transferido para aqui e registado para a posteridade em "prata". O autor de ambos é o Arquitecto Érico Veríssimo Ramos. Aliás, uma informação que obtive do meu relacionamento com o BCV e do meu tempo de empregado bancário, é que todas as notas e moedas até agora lançadas pela República de Cabo Verde são de sua autoria. Bem haja o Arq. Érico Veríssimo pela qualidade do seu trabalho e votos de longa vida! Uma braço!

Comentar post

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Anónimo

    Oi sou cabo-verdiano, estou aqui de passagem, esto...

  • Regiane

    Exelentes musicas . Me faz recordar o tempo do meu...

  • Livia Ramos Silva

    Meu tio irmao do meu pai tio Dino de monte. Saudad...

Powered by