Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Especialização em Análise Costeira

Brito-Semedo, 2 Jul 13

Legenda (esq. para dir.): Vice-Reitor da Uni-CV, Director do Campus do Mar, Secretário de Estado dos Recursos Marinhos e Presidente do INDP. Foto INDP

 

Incumbiu-me o Magnífico Reitor da Universidade de Cabo Verde de vos saudar em seu nome e apresentar as suas desculpas por não poder estar neste acto de abertura, por razões já comunicadas à organização. Sou igualmente incumbido de manifestar todo o empenho da Uni-CV neste grande projecto do Campus do Mar, um Campus de Excelência Internacional no âmbito das Ciências e Tecnologias do Mar que tem como propósito criar valor económico e social como motor de desenvolvimento territorial.

 

Depois do projecto de doutoramento a decorrer em Vigo, de que informações chegadas até nós são as melhores, surge agora este Curso de Especialização em Análise Costeira, destinado a docentes, investigadores e alunos finalistas da Universidade de Cabo Verde, investigadores do Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas (INDP) e técnicos da Direcção Geral das Pescas e da Direcção Geral do Ambiente.

 

Esta é uma iniciativa que vem reforçar ainda mais a parceria existente entre o Campus do Mar, o INDP e a Uni-CV. Recordo que em Novembro passado, durante o acto comemorativo do 6.º aniversário da Universidade de Cabo Verde, o INDP e a Uni-CV assinaram um acordo de parceria, que veio a confirmar de jure o que já vinha acontecendo de facto, desde o tempo do ISECMAR. Nessa ocasião, acordos idênticos foram assinados com o Instituto Marítimo Portuário e as Forças Armadas/Guarda Costeira, no intuito de criar sinergias no âmbito do mar.

 

Aspecto da assistência na abertura do Curso de Especialização em Análise Costeira. Foto INDP

 

A Uni-CV sempre apostou em formações nas áreas do mar e, em sintonia com a importância que o Governo atribui ao mar, esta parceria tem uma alta relevância, já que vai permitir reforçar o ensino, a investigação e a prestação de serviços nas áreas marinhas e marítimas.

 

A política de expansão da Uni-CV, enquanto universidade pública, tem, como ponto de partida, as áreas definidas pelo Governo como estratégicas para o desenvolvimento sustentável do país e, como compasso, os indicadores de crescimento da população, em particular da população que termina o ensino secundário. Nesta região norte, são alvo dessa política as unidades orgânicas aqui sedeadas ou com representação local. O Departamento de Engenharias e Ciências do Mar (DECM) labora, assim, nas áreas definidas como estratégicas para o desenvolvimento do país, nomeadamente dos chamados clusters de desenvolvimento.

 

No que diz respeito ao cluster do mar, o DECM oferece os cursos profissionais de marinheiro e de marinheiro pescador, licenciatura em ciências náuticas, ramos pilotagem e engenharia de máquinas marítimas, e oferece ainda os únicos cursos a nível nacional, de licenciatura e de mestrado em biologia marinha e pescas. A investigação em biologia marinha é um dos ramos mais activos na universidade. O curso de licenciatura em gestão e planeamento de transportes marítimos enquadra-se também no esforço de fornecer capacidade humana para o cluster do mar. O curso de licenciatura em engenharia civil, igualmente oferecido no DECM, concorre também para o cluster do mar, sabendo que este inclui a construção de infra-estruturas portuárias.

 

De destacar uma grande conquista, que foi o facto da Secção de Formação Marítima (SFM) do Departamento de Engenharias e Ciências do Mar ter recebido o Certificado de Conformidade referente à certificação ISO 9001:2008, válido de 31 de Dezembro de 2012 a 30 de Dezembro de 2015, para actividades de Formação de Nível Superior e Profissionalizante para Marítimos da Marinha Mercante e Marinha de Pesca, um processo longo iniciado em 2003.

 

Esta certificação representa um grande passo na permanência de Cabo Verde na “lista branca” dos países formadores de marítimos, ou seja, nas palavras do Magnífico Reitor ditas na ocasião, “A certificação da SFM, para além do insofismável serviço que prestámos à nação, representa o sucesso do trabalho em equipa multidisciplinar e multi-hierárquica, o sucesso da autonomia da universidade e a demonstração da nossa qualidade intrínseca”. Existem, contudo, grandes desafios à nossa frente para a manutenção dessa certificação, que implicam a elevação do nível e a capacitação/actualização dos docentes e a aquisição e modernização de equipamentos necessários e indispensáveis para a formação marítima.

 

Regressando ao Curso de Especialização em Análise Costeira, em cuja abertura temos hoje a honra de participar, termino desejando que atinja o seu objectivo, que é o de reforçar as capacidades teóricas e práticas de investigadores do sector das pescas e do ambiente, com base na transferência e na aplicação do conhecimento científico.

 

Bom trabalho e sucesso a todos!

 

  

- Manuel Brito-Semedo

Mindelo, 01.Julho.2013

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

Powered by