Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dia do Pai, Testemunho de uma Filha

Brito-Semedo, 19 Mar 16

 

Ireneu Gomes.jpg

 

 

Aproveito para partilhar convosco o meu testemunho de filha que fiz por ocasião de uma linda homenagem da Ordem dos Médicos de CV ao meu pai no passado dia 15 Janeiro em Mindelo:

 


De baixo do mesmo tecto só vivi os primeiros cinco anos da minha infância ao lado do meu pai.


Apesar da minha tenra idade, ainda tenho bem presente a alegria com que o recebia à porta, quando regressava de um dia intenso de trabalho ou de uma longa viagem, em missão de serviço. Ele era o meu herói, carinhoso, presente em todas as minhas fantasias, um homem inteligente e importante: ministro e “dotor d´ cabeça” como muitos diziam, em conversa. Ele era o meu mundo, meu porto seguro. Sempre que viajava, eu adoecia!


A vida, entretanto, privou-me de ter um pai presente durante a minha adolescência/juventude, pois ele teve que regressar ao Brasil, e eu fui construindo o meu futuro, percorrendo três continentes, pela estrada fora da vida académica. E assim, tornei-me menina e moça, estudante aplicada, profissional dedicada, tudo isso motivo de orgulho que foi para o meu pai Ireneu.

 

A repentina partida dele naquele triste dia ainda faz ecoar a dor no meu coração. O nó na minha garganta aperta, sempre quando penso que, com o seu físico desaparecimento, já não poderei desfrutar da fonte de sabedoria e de experiência enriquecedora que sei que o meu pai comportava. Infelizmente, o tempo não volta mais…! O que me consola é saber que pude proporcioná-lo algum orgulho que o fez muitas vezes sentir-se um homem feliz, pois todo o mundo me diz que os seus olhos brilhavam sempre que de mim ele falava! “A minha mãe só pariu uma vez, e eu só tive uma filha, mas que vale por mil”, dizia ele.


Ireneu Gomes foi um homem de princípios herdados dos seus progenitores. Foi pessoa amiga e solidária, frontal e leal, de um humanismo reconhecido e que soube, à sua maneira, amar o seu país. Foi um profissional com competência que se lhe reconhece. Ele deu muito de si a Cabo Verde, como homem e profissional que entregou-se à causa da saúde dos cabo-verdianos, ao nosso sistema de saúde, ao ensino da psiquiatria no Brasil, e aos seus pacientes que lhe procuravam para aliviar as suas aflições emocionais. De mim, teve que me retirar um pouco do privilégio da sua companhia para poder exercer com devoção a sua vocação, entregando-se mais aos cuidados daqueles que mais precisavam dele como médico.


Do meu pai herdo o sentido do dever, a integridade, seriedade e também o humor. Com ele aprendi a ver a sociedade (cabo-verdiana) com lentes críticas, passei a valorizar mais as verdadeiras amizades, a apreciar momentos de introspecção, e a conviver com as fragilidades humanas.

 

- Dália Gomes

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

1 comentário

De Anónimo a 21.03.2016 às 13:18

Devo dizer que eu e o Ireneu , conheciàmos desde de criânça , embora sendo eu mais velho do que êle  mas que nessa altura êle jà jogava futebol connosco ;  eu Morgadinho , " Chàla " e Antoninho de Nhô Toy Ferreira , Augusto e Zeca , filhos do Sr.Cesàrio Brito , todos moradores em Fonte Cônego . Eu morava em Fonte Filipe zona ao lado , que me permetia estar juntos com êles e fazer sempre aquela partida de futebol . Apos muitos anos na diàspora de volta a Cabo Verde , de férias , a minha agradàvel surpresa foi encontrar com Ireneu na barbearia SONY , em Sao Vicente ,mas que a minha tristeza foi tanto , o Ireneu nao me reconheceu ?!.Tentei recordà-lo ( infelizmente em vao ) , a nossa amizade dos tempos da nossa juventude e que eu tinha sido mesmo , aluno do seu pai Norberto Gomes !.Um Criol na Frânça ; Morgadinho !.

Comentar post

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Reyan

    Só música de qualidade! Instrumentos de corda real...

  • Anónimo

    Oi sou cabo-verdiano, estou aqui de passagem, esto...

  • Regiane

    Exelentes musicas . Me faz recordar o tempo do meu...

Powered by