Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

 

Aula-magna.jpg

 Foto Jornal A Voz

 

 

NOTÍCIA:

 

Saída no Jornal A Voz online a 25.Nov.2015):

 

"Segundo António Correia e Silva o ensino superior no país “vive um dilema, uma crise de crescimento. Havia uma procura não atendida de jovens alunos que terminavam o 12º mas de uns anos para cá esta procura estabilizou-se e isto gera uma crise nas instituições”.

 

O ministro de Ensino Superior Ciência e Inovação falava na aula magna comemorativa dos 24º aniversário do Instituto Superior de Ciências Económicas e Empresariais.

 

De acordo com o ministro, a situação económica vivida nestes últimos anos tem criado aos alunos um conjunto de constrangimentos, na capacidade de demanda, principalmente no que toca ao pagamento de propinas.

 

Como forma de solucionar esta questão, Correia e Silva diz que o “Governo concluiu recentemente o concurso de bolsa de estudo a fundo perdido e para dar mais garantia, vai abrir os concursos a uma linha de financiamento bancário, com juros baixos” (ler aqui a matéria completa).

 

COMENTÁRIO:

 

Postado por Aquilino Varela no seu perfil do FB:

 

Denominar a situação periclitante em que se vive no Ensino superior em Cabo Verde de dilemática constitui um tamanho eufemismo, Sr. Ministro Correia e Silva. Vossa Excelência, perante alguns nados-mortos que criou no Ensino Superior, das escórias que insiste em encomendar e contratar, dos silêncios e cumplicidades tidos, a continuar o macabro cenário que ensombra este subsistema, seguramente, será tido como um dos coveiros-mor do Ensino Superior em Cabo Verde. Só para lembrar, o Sr. Correia e Silva presidiu a Comissão Instaladora para a Universidade de Cabo Verde, foi o primeiro Reitor desta Universidade, foi/é o primeiro Ministro de Ensino Superior Ciência e Inovação de Cabo Verde, com poderes para inovar, regulamentar e fiscalizar esse subsistema.


Tendo tido todas essas responsabilidades e poder de decisão, no Ensino Superior em Cabo Verde, os cidadãos cabo-verdianos devem, rapidamente, lhe exigir responsabilidades antes que a culpa morra solteira e o luto se venha a impor.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

Powered by