Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Santiago

Brito-Semedo, 28 Jul 13

Cidade da Praia (Rotunda da Quebra Canela), Foto Daniel Monteiro Júnior
 

Ninguém mais/ há-de dizer a brisa/ que colou/ o nosso abraço inseparável/ Santiago
As asas/ de pedra e vento/ que ganhei/e plantei/nas encruzilhadas/de todas as manhãs/abertas e/cheias de janelas

Minha ilha/esmagada de/sol/e de seca/ e de sede/ Santiago

Ninguém mais dirá/o sabor das tuas noites/pinceladas de estrelas/esfomeadas
Ou a paisagem/repleta dos olhos/dessas crianças nuas

Só tu e eu/saberemos/eu e tu/do afecto/da areia/que besuntou como açúcar/esta fúria

E o sal/e a música/e a força/do teu mar/ a transbordar

Porque ninguém mais/contará da brisa louca/que colou o nosso abraço/inseparável/Santiago

 

- Paula Martins, Lisboa

 

__________

Jornalista do Público desde a sua fundação, em 1990, dedica-se com especial interesse a temas relacionados com a criança no âmbito social e da saúde. O abandono de bebés, os maus-tratos, a violência e a negligência praticados contra as crianças, bem como a delinquência juvenil foram objecto de reportagens e entrevistas com especialistas ao longo dos últimos dez anos. Licenciada em Sociologia iniciou o seu percurso profissional, com estágios na RDP - Antena 1 e no vespertino A Capital em 1983, tendo passado nos anos seguintes pelas redacções do JL - Jornal de Letras, Voz Di Povo (Cabo Verde), RTP1 e Expresso.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Reyan

    Só música de qualidade! Instrumentos de corda real...

  • Anónimo

    Oi sou cabo-verdiano, estou aqui de passagem, esto...

  • Regiane

    Exelentes musicas . Me faz recordar o tempo do meu...

Powered by