Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

 

Corsino-Fortes2.jpg

 Foto A Nação

 

 

"O poeta cabo-verdiano Corsino Fortes, uma das figuras máximas da literatura em língua portuguesa, recentemente falecido, foi condecorado, a título póstumo, com a Ordem Nacional do Cruzeiro do Sul, no grau de Grã-Cruz. As insígnias da condecoração foram entregues pessoalmente pelo Ministro das Relações Exteriores do Brasil, Embaixador Mauro Vieira, a uma sobrinha do poeta. A cerimônia constou do programa da visita oficial do Ministro a Cabo Verde, no dia 1/9/15". (Ass. Embaixador  João Inácio Padilha).

 

 

MRE Brasil.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

  

Corsa 3.jpg

 

"Os grandes poetas fazem uma obra redonda, completa, e Corsino Fortes terminou a sua a quatro dias da sua morte com Sinos de silêncio: canções e haicais", declarou o antropólogo cabo-verdiano Manuel Brito-Semedo sobre "o maior poeta épico das ilhas", nas palavras da escritora e vice-presidente da Academia Cabo-verdiana de Letras, Vera Duarte.

 

O príncipe ou o poeta maior de Cabo Verde, como o consideram muitos críticos literários, faleceu hoje na sua ilha natal, S. Vicente, onde nasceu a 14 de Fevereiro de 1933.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Manuel Brito-Semedo

    Caro Zé Hopffer, Excelente! Terei isso em consider...

  • Anónimo

    Esqueci-me de me identificar no comentário anterio...

  • Anónimo

    Meu caro, seria interessante incluir o texto de Ar...

Powered by