Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

 

"Argo", de Ben Affleck, realizado a partir de uma história verídica do resgate de seis norte-americanos no Irão, em 1980, venceu o Oscar de melhor filme na 85.ª edição dos prémios de cinema da Academia de Hollywood.

 

O filme inicia-se em 4 de novembro de 1979, quando a embaixada norte-americana em Teerã é invadida por militantes islâmicos e estudantes iranianos, exigindo a extradição do ex-governante do país Mohammad Reza Pahlavi, em tratamento de saúde nos EUA, gerando a crise de reféns no Irã. Entretanto, seis americanos conseguiram sair da embaixada antes da invasão, escondendo-se na residência do embaixador do Canadá.  

 

A CIA estuda meios de resgatá-los e Tony Mendez engendra a idéia de resgate por meio de uma equipe de produção de um falso filme de ficção científica, chamado Argo. Com o apoio de seu chefe, Jack O'Donnell e com a ajuda de John Chambers, um renomado especialista em maquiagem da indústria cinematográfica e do actor Lester Siegel, monta uma equipe e viaja até Istambul, antes de chegar a Teerã. Ali, treina as novas identidades com os refugiados, que passarão a ser cidadãos canadenses membros da equipe do filme, que retornarão aos seus lares num voo da Swissair.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Tendo em conta as comemorações recíprocas do ano do Brasil em Portugal e de Portugal no Brasil, a Universidade Lusíada de Lisboa, através da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, e o Observatório da Língua Portuguesa vão realizar o 1.º Congresso Internacional de Língua Portuguesa, nos dias 27 e 28 de Fevereiro de 2013.

 

 O 1.º Congresso Internacional de Língua Portuguesa pretende constituir um espaço de reflexão e contribuir para o ensino, promoção, difusão e projecção da língua portuguesa. A presença e o contributo de investigadores, docentes e profissionais, têm como objectivo analisar, reflectir e debater os problemas emergentes, no quadro nacional e internacional, sistematizando contributos inovadores no domínio da língua portuguesa, enquanto compromisso com o cidadão e os povos. in Revista Lusofonia

 

A Universidade de Cabo Verde faz-se representar no Congresso pelo Vice-Reitor Manuel Brito-Semedo com uma comunicação intitulada “A Contribuição da Universidade de Cabo Verde na Promoção da Língua Portuguesa em Cabo Verde e na sua Diáspora”.

 

VER PROGRAMA

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

subscrever feeds

Powered by