Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

 

Layout Porto Memória.jpg

 

Certreza 1.jpegHomenagem a Arnaldo França, co-fundador e guardião da memória da Certeza

 

 

Ao longe

Na distância da manhã por vir,

Na indecisão das camuflagens

E do rumor da guerra,

Há agonias esbatidas no negro-fumo

Da pólvora,

Dos homens que se batem.

Áquem, é a luta na retaguarda!

 

...................................................

 

Há a guerra dos nervos destrambelhados:

A guerra que ficou em nós

Das notícias de guerra!

E há noites incalmas

de almas

que escrevem poemas

aos poemas dos nossos nervos em guerra.

 

...................................................

 

– Guilherme Rocheteau, “Panorama”

in Certeza n.º 1, Março.1944

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

FARP.jpeg

 

 

É ponto assente que até 1975 Cabo Verde era uma província ultramarina de Portugal, com uma polícia de segurança pública e uma pequena guarnição militar que incluíam, tanto uma como outra, portugueses metropolitanos e cabo-verdianos.

 

O que não se compreende é que as instituições como a Polícia Nacional e as Forças Armadas celebrem como marcos fundacionais datas muito antes de Cabo Verde ser Estado independente, respectivamente, 1870 e 1967.

 

Na verdade, as Forças Armadas e a Polícia Nacional só poderiam ser formal e juridicamente criadas quando o país se tornou independente em 1975.

 

É igualmente questionável a celebração que se está a realizar para assinalar os 200 anos da Amizade entre Cabo Verde e Estados Unidos da América (1818-2018) tomando como referência a data do estabelecimento de um consulado dos EUA na então vila da Praia.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esquecer!? Ninguém esquece…
Suspende fragmentos na câmara escura, que se revelam à luz da lembrança...

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Jornalista e Poeta Eugénio Tavares

Comunidade

  • Adi

    I think and I am really aware of the what it take ...

  • curso de teclado

    Muito boa a musica, parabéns !

  • Anónimo

    Porque é que omitiu o editor do "Diário" de Antóni...

Powered by